Marque já a sua consulta! (21) 3268-3492 (21) 99056-8583

Sete cuidados com a pele no verão


Geração online
A estação mais quente do ano requer atenção especial para evitar doenças como o câncer da pele
São muitos os benefícios do sol para a saúde: ele ajuda na absorção do cálcio, aumenta a resistência contra doenças infecciosas e influencia diretamente o humor e o bem-estar das pessoas. Mas a radiação ultravioleta também é o principal fator ambiental para o desenvolvimento do câncer da pele, o tipo de câncer mais comum no Brasil. A incidência do câncer da pele vem aumentando e a idade do surgimento das lesões, diminuindo nos últimos anos. As chances de desenvolver a doença aumentam com a chegada do verão, quando os níveis de radiação estão mais altos.
Segundo a dra. Renata Venâncio, dermatologista da Medcenter Policlínica Copacabana, o câncer da pele resulta do crescimento anormal e descontrolado das células que compõem a pele em suas diferentes camadas. Dependendo de onde e como essas células forem atingidas, surgem diferentes tipos de câncer da pele. “Se detectado precocemente, o câncer da pele apresenta alta chance de cura”, diz a especialista.
A dermatologista recomenda atenção aos primeiros sinais, com a realização do autoexame da pele continuamente. Sem roupa e na frente de um espelho, a orientação é buscar na pele feridas que não cicatrizam e pintas que crescem com contorno irregular, mudam de cor, sangram e coçam. Ao notar alguns desses sintomas, é necessário buscar ajuda médica para o diagnóstico e tratamento adequados.
Para Renata, apostar na prevenção é a melhor forma de evitar o desenvolvimento de qualquer doença. Confira as dicas:
  • Se protetor solar todos os dias;
  • Aplique-o 20 minutos antes de se expor ao sol;
  • O fator de proteção do produto deve ser de, no mínimo, 30;
  • Reaplique o filtro na face, idealmente, a cada três horas durante o dia e em todo o corpo a cada duas horas em caso de exposição solar;
  • Na praia, use acessórios como guarda-sol, chapéu, óculos escuros ou roupas com FPS;
  • Evite exposição solar entre 10h e 15h;
  • Faça o Teste ABCD, observando pintas ou sinais com: Assimetria (formatos e tamanhos diferentes); Bordas irregulares; Cores variadas e Diâmetro maior que 6 milímetros.